Belregard: Entre a Cruz e a Espada

Desabafo

Me sinto perdido… A cada dia que passava, desde que cheguei ao forte do leão, sentia estar sendo guiado por um proposito maior. Proteger meus companheiros, conseguir um novo senhor. Servir novamente a uma causa. São coisas simples que todo homem precisa para se levantar no dia seguinte. Mas agora que tenho tudo isso, me sinto imensamente perdido. E não sei onde eu errei em meu caminho para estar onde estou agora. 

Tenho medo do que vejo ao meu redor. Tenho medo do que vejo no espelho. Tenho medo do que eu posso me tornar. Argus disse que isso que estamos fazendo, pode nos transformar no mesmos monstros que combatemos, mas quando foi que passei a combater monstros? Ou melhor. Quando comecei a vê-los? Será essa a punição pelo que fiz a Italo? 

Sim, toda vida é valiosa, mas eu acreditei que essa era a vontade do criador. Impedir que o degenerado fizesse mal a outras crianças. Nunca foi por mim. Nunca foi por ego. Tão pouco por orgulho ou fama. Eu sempre busquei fazer o bem em busca de receber o mesmo em troca. Mas tudo que vejo a minha volta é o mal. 

Vejo em meus amigos. Nas pessoas. No espelho. Vejo e temo. Temo acordar e não reconhecer aqueles a quem sou leal e tenho agora como minha nova familia – por mais dividida que ela seja. Temo por acordar e não reconhecer a mim mesmo e fazer mau aqueles que eu amo. 

E agora, mesmo aqui com tantos ao meu redor buscando adoração a um ídolo pervertido, buscando satisfação e prazer proposito. Eu ainda o faço por nós. Pela missão. Pelo bem maior. Sei que posso me arrepender amanhã do que faremos agora, assim como me arrependo das vidas que tirei naquela batalha. Homens que tinham esposas e filhos para quem retornar.

Mas eu ainda sei que não faço por mim e sim pelo bem de outros que merecem a paz que estamos buscando manter.


O que eu não entendo é como ainda sinto que fazer o bem pode estar me tornando uma pessoa pior do que quando comecei essa jornada…

- Um desabafo de Pietro com Demetrio enquanto bebiam, momentos antes do ritual em adoração a Arshma. - 

Comments

jnsbmm andersoncronos5

I'm sorry, but we no longer support this web browser. Please upgrade your browser or install Chrome or Firefox to enjoy the full functionality of this site.